Câmaras buscam reduzir número de vereadores em duas cidades da região

Câmaras buscam reduzir número de vereadores em duas cidades da região


Em Rio Preto, projeto será analisado pela Comissão de Justiça. Já em Birigui, projeto deve ser votado na semana que vem.

A Comissão de Justiça da Câmara de São José do Rio Preto (SP) vai avaliar a redução no número de vereadores para a próxima eleição. Atualmente, Rio Preto tem 17 vereadores e a intenção é reduzir para 13.

O projeto só entra em votação se tiver o parecer favorável. O projeto do vereador Fábio Marcondes (PL) tinha sido protocolado no fim de semana e foi apenas lido na sessão.

A proposta é de uma mudança em duas etapas. Nas eleições de 2024, o número de vereadores cairia de 17 para 15. Em 2028, o total de cadeiras cairia para 13.

Leia também:
– Moradores colocam árvore de Natal iluminada dentro de buraco para cobrar conserto em rua
– Camisinha é importante aliada no combate ao câncer
– Confirmada terceira edição do Rock no Rio Tietê

“O poder público precisa dar um exemplo, não podemos mais ficar sentando ouvindo o clamor para reduzir gastos e número de cadeiras e não fazermos nada”.

afirma o vereador Fábio Marcondes.

O assunto ainda precisa ser debatido e encaminhado para as comissões permanentes da Casa. Para o projeto ser aprovado, 12 dos 17 vereadores precisam votar a favor da medida.

“Após passar pelas comissões, volta para a presidente e colocamos em votação na legalidade, se for por ilegalidade, nem para votação ele vai”.

afirma o presidente da Câmara, Paulo Paulera.

Redução em Birigui

A redução no número de vereadores também foi discutida nesta terça-feira (12) na sessão da Câmara de Birigui (SP). Na cidade esse número cairia de 17 para 15.

A expectativa era que o projeto fosse votado nesta terça-feira, mas os parlamentares adiaram a votação para semana que vem porque o vereador Luiz Roberto Ferrari (DEM) pediu vistas. Ele quer mais tempo para analisar o texto.

O projeto sugere uma emenda à lei orgânica que fixa a quantidade de vagas na Câmara municipal. O projeto foi protocolado em abril e é do vereador Leandro Moreira, do Partido Republicano.

O vereador defende que a redução de parlamentares geraria uma economia de pelo menos R$ 250 mil por ano.

Leia mais notícias da região em Diário Noroeste.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *